PROPOSTA DE ACOMPANHAMENTO DOS EGRESSOS DO IFB COM BASE EM UM ESTUDO DO ACOMPANHAMENTO DOS EGRESSOS EM NÍVEL NACIONAL

José Gonçalo dos Santos, Rayane Stephanie de Souza

Resumo


O principal objetivo deste artigo é relatar como é feito o tratamento dos egressos por algumas instituições do país e propor um instrumento de acompanhamento desse tipo de aluno no âmbito do Instituto Federal de Brasília (IFB). O estudo teve como método o levantamento bibliográfico de pesquisas relacionadas ao tema, o levantamento da legislação pertinente e a análise de algumas instituições de nível médio, técnico e superior do Brasil. Com as informações obtidas pela análise, observou-se que a maioria dos estabelecimentos de ensino procura meios de manter contato com seus ex-alunos para observar como eles estão após sua saída. Para isso, encontraram nos formulários de pesquisa – seja online, seja apenas no papel – a forma mais eficaz de acompanhar cada egresso. Dessa forma, concluiu-se que um banco de dados pode contribuir para o acompanhamento qualitativo dos egressos, melhorando a qualidade dos cursos ofertados e adequando-os para o mercado de trabalho.


Palavras-chave


Avaliação Institucional; Egressos; Instituto Federal de Brasília.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19123/eixo.v4i1.230