Sons inúteis: breve reflexão sobre a construção de sonoplastia para espetáculos do CEDA-SI

Adriano Moreira Roza

Resumo


Este trabalho reflete sobre o processo de construção de sonoplastia de espetáculos do CEDA-SI (Coletivo de Estudos em Dança, Educação Somática e Improvisação) e retoma posicionamentos ideológicos acerca das artes cênicas advindos principalmente de Antonin Artaud. O texto desenvolve uma noção de presente instável e impermanente que se esgota em si e impossibilita qualquer sentido de utilidade.


Texto completo:

PDF

Referências


ARTAUD, Antonin. O teatro e seu duplo. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

______. Linguagem e vida. São Paulo: Perspectiva, 2008.

BONDÍA, Jorge Larrosa. Notas sobre a experiência e o saber de experiência. In: Revista Brasileira de Educação no. 19, ANPED, 2002.

COELHO, Teixeira. Antonin Artaud – Posição da carne. São Paulo: Brasiliense, 1982.

DERRIDA, Jacques. A Escritura e a Diferença. São Paulo: Perspectiva, 2009.

CHARNEY, Leo e SCHWARTZ, Vanessa R (org.). O Cinema e a invenção da Vida Moderna. São Paulo: Cosac & Naify, 2001.

HAWKING, Stephen. O universo numa casca de noz. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2009.




DOI: http://dx.doi.org/10.19123/eixo.v5i1.329