Produção de projeto e produtos por meio de atividades de ensino integradoras

  • Ricardo FAUSTINO TELES Instituto Federal de Brasília - IFB Campus Samambaia. http://orcid.org/0000-0002-7405-4971
  • Keila Lima Sanches Instituto Federal de Brasília - IFB Campus Samambaia.

Resumo

O objetivo do presente trabalho é avaliar o desenvolvimento de projetos e produtos realizados por meio de trabalhos integradores executados pelos alunos do curso Técnico em Móveis do IFB entre os anos de 2012 a 2017. Para tanto, são analisadas as técnicas construtivas empregadas, tipos de materiais e produtos de acabamentos utilizados bem como o processo criativo, além das características que os laboratórios da Instituição e a disponibilidade de insumos para a produção dos objetos. As características de oferta de novas ferramentas, máquinas e insumos contribuem para que os produtos desenvolvidos apresentem características distintas quando comparadas aos primeiros objetos produzidos. Assim, para um melhor desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem, o emprego de trabalhos integradores atua como estratégia de consolidação de conhecimentos e a aproximação com o mercado de trabalho.

Biografia do Autor

Ricardo FAUSTINO TELES, Instituto Federal de Brasília - IFB Campus Samambaia.
Engenheiro Florestal e Mestre em Ciências Florestais pela Universidade de Brasília. Atualmente é Professor de nível Básico, Técnico e Tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília (IFB) no Eixo de Produção Moveleira e doutorando em Ciências Florestais pela Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Tecnologia da Madeira e Produtos Florestais, atuando principalmente nos temas: Madeiras da Amazônia, Propriedades Físicas e Mecânicas da Madeira, Avaliação Não-Destrutiva em Madeira.

Referências

BARRETO, A. B. P. C. M. et al. Uma experiência interdisciplinar: o Projeto Integrador na Licenciatura em Espanhol do CEFET/RN. In: Holos, ano 23, v. 3, p. 1-12, 2007.

BORGES, T. S.; ALENCAR, G. Metodologias ativas na promoção da formação crítica do estudante: o uso das metodologias ativas como recurso didático na formação crítica do estudante do ensino superior. Cairu em Revista. Jul/Ago 2014, Ano 03, n° 04, p. 1 19-143.

BRASIL. Lei nº 9.394/96, de 24 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível por meio de <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394.htm>. Acessado em 08 de dezembro de 2017.

________. Resolução nº 6, de 20 de setembro de 2012. Define Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Disponível por meio de <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=11663-rceb006-12-pdf&category_slug=setembro-2012-pdf&Itemid=30192>. Acessado em 08 de dezembro de 2017.

________. Resolução nº 4, de 30 de janeiro de 2010. Define Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação Básica. Disponível por meio de <http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/rceb004_10.pdf>. Acessado em 08 de dezembro de 2017.

HENRIQUE, A. L. S; NASCIMENTO, J. M. SOBRE PRÁTICAS INTEGRADORAS: UM ESTUDO DE AÇÕES PEDAGÓGICAS NA EDUCAÇÃO BÁSICA. In: Holos, Ano 31, v. 4, p. 63- 76, 2015.

LIBÂNEO, J.; FERREIRA, J.; SEABRA, M. Educação escolar: políticas, estrutura e organização. 6 ed. São Paulo: Cortez, 2008.

MIRANDA, P. V.; PEREIRA, A. R.; RISSETTI, G. A influência do ambiente escolar no processo de aprendizagem de escolas técnicas. In: II Fórum Internacional de Educação. Anais... Santa Cruz do Sul: Universidade de Santa Cruz do Sul, 2016. p. 1-14.

RONCAGLIO, S.M. A relação professor-aluno na educação superior: a influência da gestão educacional. Psicol. cienc. prof. [online]. v.24, n.2, p. 100-111, 2004.

SCHÖN, D. A. Educando o profissional reflexivo. Um novo design para o ensino e a aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 2007.

VYGOTSKY, Levi S. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 1989

ZEN, E. T.; OLIVEIRA, E. C. DE. O projeto integrador e a centralidade do trabalho para a formação humana no programa de integração da educação profissional com a educação básica na modalidade de educação de jovens e adultos (proeja) IFES Campus Vitória/ES. In: Holos, ano 30, v. 2, p. 134-142, 2014.

Publicado
2019-12-17
Seção
ARTIGOS