Efeito da suplementação de vitaminas antioxidantes no treinamento de força: uma revisão integrativa

  • Maurilio Tiradentes Dutra Graduado em Educação Física pela Universidade Católica de Brasília (2007). Especialista em Fisiologia do Exercício (UniFOA, 2008) e em Treinamento de Força (UnB, 2009). Mestre (2013) e Doutor (2018) em Educação Física pela Universidade de Brasília, UnB.
  • Martim Bottaro Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação Física, Faculdade de Educação Física, Universidade de Brasília, UnB

Resumo

O treinamento de força gera adaptações que resultam em melhora do desempenho e hipertrofia muscular. Argumenta-se que a suplementação com vitaminas antioxidantes pode potencializar tais adaptações. Porém, o efeito dessa suplementação combinada com treinamento de força é pouco conhecido. Objetivo: revisar e apresentar o atual estado da arte acerca do efeito da suplementação de vitaminas C e E sobre adaptações induzidas pelo treinamento de força. Método: foi realizada uma revisão integrativa. A busca por estudos sobre o tema ocorreu entre outubro de 2018 e janeiro de 2019, nas seguintes bases: Pubmed, Web of Science, Scopus e Google Scholar. Resultados: 135 artigos foram encontrados, dos quais 8 foram selecionados para análise e discussão. Conclusão: a suplementação com tais vitaminas pode mitigar as adaptações oriundas do treinamento de força e por isso não é recomendada nesse contexto.
Publicado
2020-10-26
Seção
ARTIGOS